sexta-feira, 6 de maio de 2011

Da obesidade mórbida à anorexia: a triste história de uma jovem de 21 anos..

Malissa Jones, 21 anos, já foi a adolescente mais obesa do Reino Unido. Em 2008,
com o ponteiro da balança perto dos 203 quilos, ela recebeu um ultimato:
era perder peso ou morrer dentro de alguns meses.
Malissa escolheu a primeira alternativa e enfrentou uma
cirurgia no estômago. Era a ajuda que ela precisava para
 perder 127 quilos e chegar aos 76, meta estabelecida
 pelos médicos.
Agora, a situação se inverteu: Malissa desenvolveu
 uma espécie de fobia à comida e está pesando pouco
 mais de 50 quilos (cerca de 12 são só pele). Precisa
 engordar para sobreviver.
Antes da cirurgia, Malissa ingeria 15 mil calorias por
 dia. Hoje, ela come três cenouras cozidas, duas porções
de parsnip, um vegetal europeu, e uma batata assada, um
total de 300 calorias, menos de um terço do que ela deveria consumir para se manter saudável.
“Meu médico diz que, se eu continuar assim, eu terei apenas seis meses de vida. Eu provavelmente morrerei por causa de um ataque cardíaco, então eu preciso ser
perseverante e comer. Estou tentando, mas é muito difícil”, disse Malissa à revista
 Closer Magazine (oDaily Mail reproduziu alguns trechos).
A tristeza vivida por Malissa é uma das explicações para sua
 imensa dificuldade em comer. Recentemente, ela vivenciou
 a perda de seu primeiro filho, Harry. A notícia da gravidez foi
 uma surpresa, já que seu namorado usava camisinha.
 Contrariando a opinião médica, os dois decidiram ter o bebê e
 Malissa diz ter lutado muito para se alimentar adequadamente.
Mesmo assim, perdeu peso durante a gravidez. O bebê nasceu desnutrido e morreu 57 minutos após o parto, realizado no
sexto mês de gestação por causa de uma falha no fígado da mãe.
“Eu não cheguei a pegar Harry no colo. Não acredito que vá superar isso”. Ela guarda fios do cabelo de Harry e algumas fotos em uma
caixa. Após a morte do bebê ela perdeu 63 quilos. Ela diz que era
 mais feliz quando estava obesa.
Fonte: Revista Época

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Boa tarde, pessoal!!
Estou bem feliz hoje!! Ontem o pessoal fez uma festinha na universidade e eu me comportei super!! Só tomei um suquinho, não cai na tentação!! Mesmo com as meninas falando que eu tinha que comer um pedacinho só para provar, me mantive forte, não me sabotei!! Sabe pq? Eu me amo, de verdade!!
As pessoas sempre tende a ter dô da gente, mas não sabem que é bem pior que formos nas opiniões deles, se eu tivesse comido ontem na festa, hoje estaria me martirizando, mesmo que fosse só uma mordida, não estaria com a minha cabeça boa como está hoje.Quando acordei, fiquei pensando em como estou me amando assim, ai lembrei de um texto que li a um tempo, uns dizem que é de Charles Chaplin, outros acham que é de Kim McMillen, mais isso na verdade não me interessa! Quem quer que tenha escrito, foi feliz na escolha das palavras. O texto segue abaixo: 
QUANDO ME AMEI DE VERDADE
"Quando me amei de verdade, compreendi que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa, no momento exato.
E então, pude relaxar.
Hoje sei que isso tem nome…Auto-estima.
Quando me amei de verdade, pude perceber que minha angústia, meu sofrimento emocional, não passa de um sinal de que estou indo contra minhas verdades.
Hoje sei que isso é…Autenticidade.
Quando me amei de verdade, parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento.
Hoje chamo isso de… Amadurecimento.
Quando me amei de verdade, comecei a perceber como é ofensivo tentar forçar alguma situação ou alguém apenas para realizar aquilo que desejo, mesmo sabendo que não é o momento ou a pessoa não está preparada, inclusive eu mesmo.
Hoje sei que o nome disso é… Respeito.
Quando me amei de verdade comecei a me livrar de tudo que não fosse saudável… Pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me pusesse para baixo. De início minha razão chamou essa atitude de egoísmo.
Hoje sei que se chama… Amor-próprio.
Quando me amei de verdade, deixei de temer o meu tempo livre e desisti de fazer grandes planos, abandonei os projetos megalômanos de futuro.
Hoje faço o que acho certo, o que gosto, quando quero e no meu próprio ritmo.
Hoje sei que isso é… Simplicidade.
Quando me amei de verdade, desisti de querer sempre ter razão e, com isso, errei menos vezes.
Hoje descobri a… Humildade.
Quando me amei de verdade, desisti de ficar revivendo o passado e de me preocupar com o futuro. Agora, me mantenho no presente, que é onde a vida acontece.
Hoje vivo um dia de cada vez. Isso é…Plenitude.
Quando me amei de verdade, percebi que minha mente pode me atormentar e me decepcionar. Mas quando a coloco a serviço do meu coração, ela se torna uma grande e valiosa aliada.
Tudo isso é… Saber viver!!!"

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Perder A Barriga E Definir Os Abdominais Rapidamente

Boa tarde, gente! Espero que vocês estejam gostando das matérias que tenho postado aqui! Para mim todas tem algo que me ajuda no meu processo de redução de peso e espero que ajude a vocês também.

A melhor forma para perder a barriga é ter um plano de dieta adequado para queimar a gordura abdominal e ganhar músculo. No entanto, enquanto você estiver a trabalhar num plano de dieta, você tem de entender alguns factos sobre nutrição que o pode ajudar a perder a barriga e a definir os abdominais rapidamente. 

Aqui estão 4 dicas para perder a barriga e acelerar o processo para uns abdominais definidos:

1. Evite estar muito tempo sem comer durante a dieta
Não passe fome como um esforço para perder a barriga. Reduzir drasticamente o consumo de calorias causará um abrandamento no seu metabolismo. Como consequência deste efeito, o seu corpo perderá massa muscular e água em vez de perder a gordura. Isto é a última coisa que deve fazer quando está a tentar perder a barriga. 

A melhor forma para perder a barriga é fazer 5 ou 6 refeições por dia, ingerindo pequenas porções de cada vez. Ao alimentar o seu corpo frequentemente com proteína e refeições baixas em gordura ao longo do dia, você evitará estados de fome. Isto optimizará o desenvolvimento de massa magra e a perda de gordura.
2. Coma a combinação correcta de alimentos para queimar gordura
Sabia que as células do seu corpo passam por um ciclo de renovação a cada 28 dias? Por isso, num ano, todas as células da sua pele, músculos e órgãos são regenerados e você é tecnicamente uma pessoa “nova”.
No sentido de percorrer este ciclo de degeneração e regeneração, você necessita de um abastecimento constante de nutrientes no seu corpo. Para ter a certeza que o seu “novo” eu ganha músculo, você tem que fornecer-lhe alimentos de qualidade que queimam a gordura e alimentam os músculos como a proteína. 

Portanto, é importante escolher a combinação correcta de alimentos para queimar gorduras e para fornecer ao seu corpo todos os nutrientes necessários para renovar o seu corpo. 
Lembre-se de incluir na sua dieta fruta e vegetais. A fibra presente nos vegetais ajudam na digestão e controlam a absorção dos nutrientes pelo corpo. Beba também muita água ao longo do dia.
3. Planeie a sua dieta
Planeie sempre quando come. A maior parte das pessoas só come quando tem fome, ou pior, quando é conveniente. Esta forma de se alimentar provocará uma catrástofe no seu metabolismo. Se o seu objectivo é perder gordura e ganhar músculo, terá de planear as suas refeições.
Planear o que precisa de comer assegura-lhe que irá manter-se fiel ao seu plano de dieta para perder a barriga e minimizará a sua tentação aos snacks ou comida não saudável. É também bom manter registos do seu progresso, as pessoas que mantêm estes registos têm mais sucesso que aquelas que não o fazem. 

Uma dieta adequada e equilibrada com um bom valor nutricional, ajudará-lhe a construir músculo e a perder a barriga.
4. Pratique exercício físico regularmente
Se conseguir uns abdominais definidos é a sua prioridade número um, então estes deveriam de ser treinados logo no início do treino, quando você está mais fresco.
Este simples ajuste na sequência do seu treino irá fazer uma enorme diferença nos seus resultados. Você terá um focus maior quando está a treinar os abdominais, e será capaz de se esforçar mais, uma vez que estará completamente fresco. 

Se está habituado a exercitar um par de conjuntos abdominais no fim do seu treino, você irá literalmente dobrar a sua taxa de progresso no sentido de definir os abdominais. 
Além dos benefícios mencionados em cima, a prioridade do treino abdominal irá também fornecer-lhe um excelente aquecimento para o resto do treino. A única excepção para esta regra é quando você treina com o peso máximo. 
Experimente esta sequência de treino e perca a barriga mais rápido do que você achava possível.
Fonte: Artigonal

domingo, 1 de maio de 2011

Fabiana Karla emagreceu 20kg em busca de seu bem-estar. Outros famosos também estão na luta contra a balança...


Por saúde ou pura estética, emagrecer sempre faz bem — se sem exageros, é claro. Principalmente ao ego. E tem quem lide mais com a importância de uma boa imagem do que o artista? A autoestima precisa estar sempre lá em cima, abrindo as portas para o sucesso.
Pois parece que, nos últimos tempos, gordinhos famosos resolveram se unir na luta contra a balança. Cada um na sua, mas com esse objetivo em comum. Da mais simples reeducação alimentar, passando pela dieta rígida e acompanhada de exercícios físicos até as formas de emagrecimento mais extremas, como as cirurgias do aparelho digestivo, eles procuraram ajuda médica e se informaram sobre qual método era mais indicado para seu caso.
A humorista agora usa shortinho e consegue cruzar as pernasAssim, nomes como Fausto Silva, Jô Soares, Regina Casé, Arlindo Cruz e Fabiana Karla têm se transformado a olhos vistos diante do público. Cada descida do ponteiro da balança, cada dígito a menos, é uma vitória pessoal, muitas vezes compartilhada com os fãs. Arlindo, por exemplo, diz que o incentivo de quem o admira tem colaborado, e muito, na batalha diária pela perda de peso:
— Sempre me viam transpirando muito e me cobravam uma atitude. Diziam: "Se cuida, a gente te ama muito!" ou "Você precisa emagrecer para viver mais, tem que ser eterno!".

Faustão também achou melhor evitar especulações. No "Domingão" de 2 de agosto de 2009, ao vivo, contou: "Me submeti a uma cirurgia bariátrica, com uma técnica nova, diferente da redução de estômago e de todas as intervenções para se perder peso. Se tudo der certo, eu não só resolvo esses problemas causados pela diabetes e pela pressão alta, como vou emagrecer de 20 a 35kg. O mais importante, no entanto, é estar saudável".
A revolta dos gordinhos
Mas nem sempre a resposta do público a mudanças radicais do ídolo é positiva e bem-vinda. Há um mês, Fabiana Karla desabafou em seu blog: "Para alguns que ficaram frustrados, ressentidos e até ofendidos, e se sentindo traídos (não entendo com o quê e nem por quê), quero deixar claro que NUNCA fiz apologia à gordura, e sim a um BEM-ESTAR. Não assinei contrato que seria gorda para sempre".
A humorista tinha decidido contar que passara por uma intervenção cirúrgica a fim de emagrecer. Por causa de um anel colocado no intestino, em 17 de dezembro do ano passado, Fabiana já eliminou 20kg até hoje, passando dos 113kg aos 93kg. O que se apresenta como uma vitória para a artista, acabou soando como traição aos olhos de seus seguidores, digamos, mais fofinhos.
— Não tenho obrigação de estar contando o que eu fiz e o que deixei de fazer na minha vida pessoal. Mas sou uma pessoa pública, e acho importante dar bons exemplos. Só estou prezando pela saúde — responde Fabiana, às críticas mais invasivas.
O que deixa a humorista do "Zorra total" mais feliz é estar emagrecendo sem perder o prazer de comer o que quiser, o quanto quiser:
— Como de tudo, tudo mesmo, até churrasco. Minha única dificuldade é a grande quantidade de líquido que tenho que ingerir: 1,5 litro de água a cada refeição. Nesse método Lazzarotto & Souza, quanto mais água, maior o emagrecimento. É o segredo.
Após inúmeras tentativas, Fabiana está confiante em atingir seu objetivo:
— Já fiz mil dietas, visitei spas, tomei vários remédios para emagrecer... Nada disso adiantou. Até coloquei um balão intragástrico, e dei um balão no balão. Pesquisei muito antes de me submeter a essa operação. Tinha risco? Tinha. Mas tudo na vida é risco. Ou eu buscava a minha felicidade ou ficava encostada, olhando o mundo girar. Quero morrer viva, não quero viver morta, meu amor!
Assumir sua maior fraqueza foi o primeiro passo para a mudança:
Fabiana Karla antes da cirurgia, quando pesava 113kg— Comida é um vício, uma droga. Talvez, a única com que todo mundo tenha que conviver a vida toda. Não tenho vergonha de assumir que não conseguia sozinha, não tinha forças. Sou boa e forte em outras coisas.
Duas saborosas conquistas da artista estão estampadas na foto aí acima. Antes, Fabiana não usava short, nem conseguia cruzar as pernas.
— Não é uma maravilha? Agora me permito ousar, estou mais segura de mim. Boazuda eu nunca vou ser... Mas sempre fui vaidosa. Costumo dizer que sou a Mulher Sabão de Coco: quadradinha e cheirosa — brinca ela, que passou do manequim 54 para o 46.
Cada vez mais orgulhosa de sua nova silhueta, essa pernambucana de 1,68m pretende atingir os 85kg, nada menos que isso:
— Não me acho bonita muito magra. Fico envelhecida, com o rosto chocho. Acho que mais cheinha pareço ter jovialidade, mantenho a doçura...
Uma doçura diet, diga-se de passagem.
Fonte: Jornal Extra

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...